#Crônica15 – A louca que gritava na ponte

A crônica de hoje é A louca que gritava na ponte, de Bruno Matangrano.

A vida naquela cidade não era nada fácil ao troll, porém, não era de todo ruim; como não acreditavam em sua existência nessa terra exótica, era fácil se esbaldar com a carne tenra das crianças travessas e desavisadas que capturava sempre que conseguia.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s